Terça-feira, 10 de Julho de 2012

Sociedades Secretas

Eles trabalham muito bem. Com atas assinadas desde 23 de Outubro de 1983, só agora foram descobertos por uma minuciosa investigação feita por mim. A trajar de gabardine e de lupa em punho, ladeado por Dr. Watson – o meu caro Watson – usei técnicas de investigação super desenvolvidas, como “os dois buracos no jornal, a fingir que se lê”, “o copo encostado à porta para se cuscar as conversas alheias” e para comunicar com a base usava dois copos de iogurte ligados por um fio muito grande. Que infelizmente cortaram a meio aquando da inauguração de um centro escolar.

Estou a brincar… por acaso ontem fui comprar um gelado e assisti, sem querer, a uma reunião do Ananás-34 numa cave em Matosinhos. E se me disserem “Pá, tu vais comprar gelados a sítios muito estranhos.” Hum! Talvez concorde, mas para se comer um bom gelado de esperma de gorila, é preciso escolher os melhores sítios. Adiante…

 

Anánás-34, uma sociedade secreta constituída por doentes de lepra. Portanto, são pessoas que nunca foram descobertas, apesar do enorme rasto que vão deixando. Pretendem acabar com a produção mundial de milho para tornarem possível a impossibilidade de comercialização de pipocas em cinemas, festas populares, cemitérios, universidades ou prisões. Locais onde a diversão é imperativa e, de facto, a pipoca sai muito bem, tal como o algodão doce e o sabão líquido, neste último. Portanto, concordo com o objectivo do Ananás-34, porque a semana passada estava em determinado local e estavam a comer pipocas. Escondi-me prontamente em baixo de uma mesa, parecendo-me aquilo um sismo ou o King Kong atrás de uma loira. Muito me engano, mas se o King Kong tentasse fazer o amor com ela, aquilo ia ficar a parecer porco no espeto. Adiante…

 

Alerto-vos para outra sociedade secreta recentemente implementada e já a fazer moça no panorama internacional, os Portimão Por-ti-mão. Nasceram, como é de prever, em Marselha e apelam, como se apreende em “Por-ti-mão”, à masturbação em locais arejados e com decoração vintage. Têm como principal objectivo a implementação do neoliberalismo em asiáticos só com um braço. Tarefa complicada, porque muitos asiáticos optam, não pelo desmembramento parcial,  mas pelo total, destruindo outras pessoas e autocarros. Há quem coma bacalhau no Natal, há quem rebente autocarros com bombas. Cada um com as suas tradições.

 

Outra sociedade construída em segredo são o Grupo Folclórico “As Fiandeiras do Douro” que, através da sua força armada, as Tulipas Laranja, dominam já grandes capitais europeias e as respectivas entidades políticas, tendo forte influência na bolsa de valores e na política externa de exportações, como Washington, Berlim, Cidade do Cabo e Brasília. As directrizes e objectivos são bem claros e estão guardados numa caixa de sapatos fechada com fita-cola, sendo eles a eliminação de pessoas que pintam as unhas de verde fluorescente, a divulgação da música celta no Pólo Norte e, não menos importante, a implementação da obrigatoriedade do beijo na boca entre taxistas como cumprimento oficial.

 

Existem depois outras sociedades secretas, como a Opus Dei e a forte influência da família Bilderberg, mas essas só querem dominar o mundo e tomar-nos por parvos, fazendo-nos acreditar na ilusão de que ainda temos o poder da decisão.

 

Johnny Almeida

Publicado por Universo de Paralelos às 18:44
Link do post | COMENTAR | Favorito

!>Pesquisar neste blog

 

!>Junho 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


!>Arquivos

!>Visitas