Quarta-feira, 27 de Março de 2013

Eu organizo-me melhor no meio da minha desarrumação

Um aviso para toda a gente, mas especialmente direccionado para aquelas pessoas que dizem “Eu oriento-me melhor no meio da minha desorganização.“ A pilinha do avô! Vocês são mas é malandros. Mais malandros que um caracol com lenha para arrumar num anexo, depois de comer duas pizzas familiares.

 

Vamos pôr isto em pratos limpos, pessoas que acendem velinhas ao deus da preguiça. Vocês encontram algo mais depressa numa:

 

A. Mesa de trabalho arrumada;

B. Mesa de trabalho que parece ter sido vítima de uma rottweiler no cio, que tem em cima papéis vários, sacos de comida indiana, a Tv7Dias e uma poia de vaca ao lado de um cadáver.

 

Se quiserem dar a ideia de que não tomam banho, escolhem a primeira. Caso contrário, enveredam pela segunda. Sinceramente, só não vomito no vosso local de trabalho para não dar melhor aspecto áquilo e estragar o trabalho de um mês, dois… uma vida, quem sabe.

 

Vocês são malandros. Até a preguiça se levanta para fazer xixi, mas vocês nem disso são capazes.

 

Telefonem-me todos os dias para eu mandar um camião a vossa casa com dois técnicos para vos tirar o cotão do umbigo para eu mandar fazer casacos de malha.

 

Mais, mais! Vocês em criança mijavam na cama e deixavam-se estar, porque dava muito trabalho rebolar para o lado. Estafermes!

 

O meu despertador, que nunca o tinha ouvido falar, despertou-me às quatro da manhã só para dizer que vocês são porcos… “mesmo porquinhos”, disse-me ele antes de passar a mais recente do José Alberto Reis.

 

Depois venham ter comigo a dizer “Olha, passei a fazer cocó na banheira porque o meu rabo já não cabe na sanita.” Arrumem aquilo e quinze horas depois, quando acabarem, estão com uma magreza de fazer inveja à esposa do Popeye. Essa bulímica sexy de um metro e noventa, tarada por marinheiros.

 

Não é nada difícil. Repitam comigo: Eu… sou… malaaaandro! Entenderam?

 

Pareço arreliadíssimo com este tipo de gente, porque acabo de me sentar na minha secretária e, sendo eu a única pessoa que a uso, quero ver quem é que veio cá à escondidas desarrumar isto. É cascas de banana! É pacotes de bolachas. Até a chávena com que tomei o pequeno-almoço, hoje, deixaram cá. Esses estafermes! Era pegar num… e… e… dar-lhes na… É que sinceramente!

 

Johnny Almeida

Publicado por Universo de Paralelos às 15:03
Link do post | COMENTAR | Favorito
2 comentários:
De golimix a 27 de Março de 2013 às 19:16



Ó valha-te um santinho da arrumação!


Cá por casa também me tentam convencer com essa da desorganização "organizada".


De Anónimo a 28 de Março de 2013 às 13:19
hahahahaha, que analogias tão preciosas


Comentar post

!>Pesquisar neste blog

 

!>Junho 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


!>Arquivos

!>Visitas